Dia a Dia do Paciente / Efeitos Colaterais

Paula Andregheto

Publicado em 21/02/2017

Revisado em 22/05/2019

Alimentos aliados no combate ao enjoo

Muitas vezes, pacientes em tratamento contra o câncer evitam comer para não ter que suportar o mal-estar causado pelo enjoo. Mas, por mais forte que seja a sensação de náusea, é fundamental não cometer esse erro, já que uma boa alimentação contribui para a qualidade de vida do paciente e o sucesso do tratamento.

Saiba mais: Mitos e verdades da alimentação do paciente em quimioterapia

Na verdade, existem alimentos que até reduzem esse desconforto. Um deles é a banana nanica, que possui nutrientes – potássio e vitamina B -, que diminuem a ânsia e a náusea. Além disso, por sua consistência mole, é de fácil digestão e inibem a contração do estômago.

Alimentos secos como torradas, pães, bolachas e biscoitos sem recheio também apresentam vantagens: controlam a produção de saliva, são de fácil mastigação e possuem sabor neutro, que diminui o estímulo sensorial do reflexo do vômito.

Frutas cítricas como o limão são ricas em ácido fólico, uma vitamina do complexo B que estimula a formação dos ácidos digestivos, favorecendo o esvaziamento gástrico e diminuindo o surgimento de enjoos.

Muitos pacientes têm bons resultados no combate ao enjoo ao chuparem um cubo de gelo 40 minutos antes das refeições. A baixa temperatura amortece os receptores de paladar, minimizando o gosto forte de alguns alimentos que podem vir a causar ânsia.