Dia a Dia do Paciente / Dia a Dia do Paciente

Paula Andregheto

Publicado em 23/09/2016

Revisado em 30/09/2016

Pacientes com câncer: dormir bem ajuda recuperação

Noites mal dormidas e cansaço ao longo do dia são reclamações muito comuns em pessoas que estão em tratamento contra o câncer. Sobram razões para que o paciente não consiga dormir bem,desde fatores psicológicos – como depressão, estresse e ansiedade – até físicos, como dor devido a uma cirurgia ou desconforto decorrente da hospitalização ou da quimioterapia.

Veja também: Sono ruim pode piorar prognóstico de câncer de mama

Essa é mais uma das batalhas que precisam ser vencidas para superar a doença. Um bom sono é peça fundamental para restaurar o sistema imunológico e melhorar a comprometida qualidade de vida dos pacientes.

Para que a qualidade desse sono seja preservada, é ideal que a pessoa não tire tantos cochilos durante o dia, por mais difícil que seja. No máximo, um cochilos curto, que não ultrapasse uma hora, para não comprometer o sono da noite.

Preencher o dia com atividades prazerosas e fazer exercícios físicos e refeições leves são recomendados para evitar a sonolência durante o dia, além de promoverem o sono à noite. Café, claro que não é proibido, mas não se pode exagerar, e é recomendado que o útlimo dia dia seja aquele depois do almoço, pois a cafeína prejudica o sono.

Na hora de dormir, mantenha todas as luzes apagadas e nada de televisão ou celular na cama!