Pular para o conteúdo principal

Leucemia Mieloide Aguda | Recaída

Parte dos pacientes conquista a cura da doença, mas alguns, mesmo após o tratamento, podem apresentar células doentes na medula, a chamada leucemia refratária. Outras ocasiões, a doença que inicialmente havia regredido e desaparecido com o tratamento, volta a se manifestar, o que chamamos de leucemia em recaída. Por isso o acompanhamento médico é fundamental mesmo após o tratamento.

Nessa fase (refratário ou em recidiva) é preciso partir para novos medicamentos com o objetivo de uma nova remissão. O especialista é quem decidirá as combinações de quimioterapia ou até mesmo um transplante de medula óssea. Tudo irá depender do quadro e da resposta de cada um.

Importante! Os tratamentos apresentam bons resultados. Converse sempre com seu médico, questione sobre seu quadro, o tratamento e as respostas que está obtendo. Sinta-se à vontade para falar sobre tudo. E siga à risca os cuidados indicados pelo especialista, sempre.


Dr. Fabio Pires

Selecione uma área para saber mais:

O que é

Saiba Mais

Prevenção

Saiba Mais

Fatores de risco

Saiba Mais

Sintomas

Saiba Mais

Diagnóstico

Saiba Mais

Tratamento

Saiba Mais

Últimas notícias sobre câncer LMA

Câncer

Fevereiro Laranja: mês da conscientização sobre as leucemias

A leucemia não escolhe sexo, classe social ou idade. Qualquer pessoa pode receber o diagnóstico, por isso é importante ficar atento aos sinais da doença.…
Notícias LMA (Leucemia mielogênica aguda)

No Dia Mundial do Doador de Sangue, uma história para lembrar que cada gota ajuda a transformar vidas

Depois de um tumor no sangue aos 17 anos e transfusão de mais de 100 bolsas, Marcos descobriu a importância da doação. Hoje, secretário de…
Noticias linfomas

Terapias biológicas e alvo estão superando a quimioterapia no tratamento das doenças onco-hematológicas

Resultados positivos que se mostram duradouros são boas notícias do congresso internacional da Sociedade Americana de Hematologia.
Notícias leucemias
Os desafios dos cânceres hematológicos, do diagnóstico preciso ao acesso aos novos tratamentos
Agenda
I Simpósio Internacional de Onco-Hematologia | Março 2018